Arquivo da tag: saia

pensa rápido

Você acorda em tempo, mas enrola tomando café da manhã. Quando vê, já tá mais do que na hora de sair de casa, mas ainda tá de pijama. Além de tudo, sabe que vai pegar trânsito pra chegar na aula.

Ontem eu tive uma manhã assim. Aí me vesti correndo e rezei pra dar certo!

pensa rápido

Como era dia de apresentar seminário no mestrado, queria uma roupinha mais formal (pero no mucho), e nada como uma camisa social pra resolver esse problema rapidinho. Combinei com a saia com pregas macho, slipper de tachinhas, e mochila!

Sim, mochila!

Achei que o look pedia uma peça dessas que faz diferença, pra não deixar tudo muito óbvio. Sem contar que não tem nada mais prático nesse mundo do que mochila.

acessórios

E um pulso foi ~adornado~ por pulseirinhas e um relógio. Pronto. Consegui chegar na aula arrumadinha e só um tiquinho atrasada – mas aí a culpa foi do trânsito mesmo.

  • Camisa: Maria Filó para C&A
  • Saia: Farm
  • Slipper: Santa Lolla para C&A
  • Mochila: TopShop
  • Óculos escuros: Forever 21
  • Pulseiras: Urban Outfitters, Asos, e Maria Filó
  • Relógio: Casio

firme, forte, e com febre

Quem me acompanha nas redes sociais já ficou sabendo que ontem eu fiquei meio doente, e tive até febre (coisa que raramente acontece). Tô apostando que o fato de ter pego chuva no final de semana também contribuiu pra essa crise na minha saúde. Tudo o que eu queria era ficar quietinha na cama, vendo um filminho, lendo um livro… Mas hoje era dia de aula no mestrado, e faltar não era uma opção! O jeito, então, foi montar um look quentinho pra me proteger do ar condicionado da sala e dessas mudanças de temperatura malucas.

O problema era que tava um sol danado, que não pedia look com jeito de outono/inverno, embora a temperatura estivesse duvidosa. O que a gente faz nessas horas? Escolhe peças cheias de cor!

INEST

Instituto de Estudos Estratégicos – where the magic happens

Ganhei essa parka há umas semanas atrás (viva a mamãe que acha essas coisas maravilhosas e se compadece de mim ❤ ) e já estava louca pra usar. Achei que ela combinava com o sol que tava fazendo, e logo ela se tornou a peça chave pro look!

INEST

Pra combinar, escolhi essa saia de estampa floral, e uma blusinha de malha num dos tons da estampa da saia – que também mistura um tom de amarelo – pra deixar tudo um pouquinho mais harmonioso! O cachecol levinho também foi importante pra proteger a garganta, que não tá lá essas coisas.

INEST

o bueiro deu uma de estrela e não quis sair nessa foto.

Aí eu achei que tava tudo muito girlie demais, e eu não gosto de looks muito girlie. Gosto sempre de colocar pelo menos uma peça de mais peso pra equilibrar, e hoje escolhi essa botinha de cano curto com tachinhas. As botas de cano curto são as minhas substitutas imediatas do All Star de cano médio, escolha sempre óbvia do meu dia a dia.

INEST

e ficou registrado que horas saí da faculdade hoje!

Os outros acessórios complementaram o look discretamente, meio combinadinhos com a bota e a bolsa.

Um dos meus amiguinhos do mestrado levou hoje castanhas de caju originais do Norte do Brasil pro nosso lanchinho (porque guerra sem conforto é extermínio), e tava uma delícia! Pena que eu não consegui mastigar. Provei só uma e já foi o suficiente pra sentir que não ia rolar mastigar aquela maravilha. Fiquei #chatiada. Quando será que vou voltar a comer todas as porcarias coisas que eu gosto usando esse aparelho???

E hoje eu deveria ter ido lá pra Marina da Glória conferir os desfiles do Fashion Rio. Não preciso nem dizer que fiquei frustrada de ficar doente em plena semana de moda, né? Mas não tinha a menor condição de sair nessa noite de outono pra ver as modas ):

O jeito é dar uma fugidinha com você torcer pra melhorar logo pra acelerar os estudos!! Foco na tarefa!

  • Parka: Cantão
  • Blusa, saia e cachecol: Farm
  • Bolsa: Zatchels
  • Bota: Forever 21
  • Óculos escuros: Zero UV
  • Pulseiras: Maria Filó (caveirinha) e Farm
  • Relógio: Casio

na festa de casamento

Como tinha comentado rapidinho no post anterior, ontem eu tinha uma festa de casamento pra ir. Sabe aquelas festas onde você encontra todas aquelas milhões de pessoas da sua enorme família? Então. O casamento de ontem foi assim. E quem me segue no instagram acompanhou em tempo real alguns dos cliques da noite – que contou com o Cordão do Bola Preta pra deixar tudo ainda mais animado.

Normalmente, quando acontece algum desses eventos, eu opto por vestidos com shape de princesa, com cintura bem marcada e saias bem volumosas, e sapatilhas. Eu detesto usar salto alto num grau tão alto que tenho uma coleção de sapatilhas especiais só pra festas e festanças (eu detesto deixar de aproveitar esses eventos porque fiquei com dor no pé). Mas tudo isso dá aquele arzinho muito muito jovem pro look.

Então ontem eu tive que sair da minha zona de conforto pra fazer do aparelho apenas um coadjuvante no meio de um look mais condizente com a minha idade avançada.

Tirei do armário essa camisa com gola de pérolas, e fiz (muito rapidinho, porque é claro que eu me enrolei pra me arrumar e já ia ficando atrasada pra cerimônia) um coque donut com um pouquinho de topete, já que o cabelo solto não ia dar o devido destaque pra essa peça. Combinei com essa saia de renda verde militar, sapato e clutch no mesmo tom de marrom, e alguns anéis pra deixar as mãos mais “ricas”.

Foi providencial a camisa de manga comprida pra uma noite de muita chuva e ventinho fresquinho. Chovia tanto que eu queria mesmo era calçar galochas! (eu e minhas ideias erradas)

Queria ter fotografado a maquiagem e o coque (e todos os mil grampos envolvidos pra segurar o cabelo a noite toda) em detalhes, mas não deu. A escolha pelo batom bem escuro foi totalmente na contramão do que eu obviamente escolheria – afinal, eu não queria dar destaque pro aparelho, certo?

Errado!

Ok, a proposta inicial era essa mesmo, de deixar o aparelho coadjuvante no look, e tentar não dar destaque nenhum pra ele. Mas, sabe como é, a gente começa a brincar de maquiagem e acaba indo por caminhos que nem imaginava que poderiam dar certo. Eu acabei preferindo fazer um make de olho esfumado combinado com batom escuro, como se dissesse “é, é isso mesmo, eu tô de aparelho, tô curtindo isso, e não tenho vergonha de destacá-lo!”. Resolvi que se eu ia encarar esse “desafio” de mostrar pra todo mundo meu aparelho numa festa logo na primeira semana, devia fazer isso com orgulho e da melhor forma possível.

Quando as mangas da camisa deixavam, os outros acessórios também apareciam: mix de pulseiras (inclusive uma de spikes com aplicações de brilhantes!) e esse relógio, um xodó pra ocasiões especiais.

com cara de mamona assim que cheguei na festa d: 

O aparelho já não tá mais me impedindo de comer muita coisa, mas ainda tô tendo alguns cuidados. Não aguentava morder os docinhos, então comi um sem número de bem casados!!

De aparelho ou não, é sempre bom rever a família e celebrar o amor!

  • Camisa: Forever 21
  • Saia: Espaço Fashion
  • Sapato: Ferni
  • Clutch: do armário da mamãe
  • Pulseiras: Life by Vivara, Espaço Fashion, e acervo de família
  • Relógio: Fossil
  • Anéis: Farm (anel de coelho), e acervo de família
  • Brincos: do armário da mamãe
  • Batom: MAC Viva Glam III