Arquivo do dia: novembro 4, 2011

se eu soubesse

Ah, se eu pudesse não caía na tua
Conversa mole, outra vez
Não dava mole à tua pessoa
Te abandonava prostrado a meus pés
Fugia nos braços de um outro rapaz

Mas acontece que eu sorri para ti
E aí, larari, lairiri, por aí

 

a dose diária de Chico Buarque, só porque faz um bem danado.